redalyc.org

Sistema de Información Científica Redalyc
Red de Revistas Científicas de América Latina y el Caribe, España y Portugal

redalyc.org redalyc.org
Utilização da levedura desidratada (Saccharomyces cerevisiae) para leitões na fase inicial
Lúcio Francelino Araújo, Otto Mack Junqueira, Eurípedes Laurindo Lopes, Cristiane Soares da Silva Araújo, Josiane Hernandes Ortolan, Antônio Carlos de de Laurentiz;
Ciência Rural 2006 36(5)
Resumen
Portugués Inglés
Foi conduzido um experimento com o objetivo de avaliar o efeito da adição de diferentes níveis de levedura (Saccharomyces cerevisiae) desidratada na ração sobre o desempenho e a morfologia intestinal de leitões na fase inicial. Foram utilizados 280 leitões (fêmeas e machos castrados) de uma linha genética comercial de suínos, desmamados com 21 dias de idade e distribuídos em 20 baias, de acordo com o delineamento em blocos ao acaso, com 5 repetições e 4 tratamentos experimentais (0, 5, 10 e 15% de adição de levedura). Aos 45 dias de idade, três leitões de cada tratamento foram abatidos e colhidas amostras do duodeno e do jejuno para estudo da morfologia intestinal. Os níveis crescentes de levedura desidratada nas rações não afetaram (P>0,05) o ganho de peso, o consumo de ração e a conversão alimentar dos leitões. Com relação à morfologia do duodeno e do jejuno, também não houve efeito (P>0,05) dos níveis de levedura estudados sobre a altura das vilosidades, das profundidades das criptas e da relação vilosidade/cripta. Os resultados permitiram concluir que a levedura desidratada pode ser adicionada em até 15% nas rações de suínos na fase inicial.

Palabras clave: leitões, levedura desidratada, morfologia intestinal, nutrição
Ver Resumen
Universidad Autónoma del Estado de México
Sistema de Información Científica Redalyc ®
Versión 3.0 | 2017
redalyc@redalyc.org