redalyc.org
logo de institución
Psicologia: Reflexão e Crítica
Revista Activa *
ISSN: 0102-7972 ISSN electrónico: 1678-7153
Frecuencia continua
Psicología
Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Brasil

Revista en DOAJ


Normas para autores

Página de la revista
Sitio web de la institución editora


Contacto
Redalyc 3.0 versión beta.
La versión estable de Redalyc 3.0 se libera en febrero de 2017. En la actualidad, se muestran los resultados de la marcación de artículos científicos mediante la herramienta gratuita Marcalyc, liberada en su primera versión el 1ro de septiembre de 2016 y que está pensada como un elemento central en la construcción y consolidación de un modelo de AA sustentable para Iberoamérica.
Débora Dalbosco Dell’Aglio
Crea tu propia página
Descargas por mesDescargas por añoDescargas por país
pt: Cada indivíduo possui um repertório de estratégias e maneiras de lidar com o tempo, diferenciando- -se na urgência com que realiza suas tarefas e na quantidade de compromissos a que se submete. Alguns instrumentos foram propostos para acessar tais diferenças individuais em relação ao tempo, destacando-se a Time Urgency and Perpetual Activation Scale (TUPA), que acessa níveis de ur- gência com o tempo e ativação constante. Neste trabalho são descritas a adaptação e as evidências de validade da TUPA para o contexto brasileiro, assim como a proposta de uma versão reduzida. A escala traduzida foi submetida por meio de formulários online a 395 participantes (71,4% mulheres), com idades de 17 a 64 anos ( M = 25,36, DP = 8,65). Análises fatoriais exploratórias e con fi rmatórias apontaram uma nova estrutura bifatorial, com boas propriedades psicométricas, envolvendo um fator de urgência com o tempo e outro relacionado a ocupações, nomeada como Escala de Urgência com o Tempo e Ocupação Constante (UTOC). Conclui-se que a UTOC apresentou boas evidências de validade de construto, incluindo validade convergente com medidas robustas de ansiedade e estresse.>>>en: Each individual has a repertoire of strategies for dealing with time, differentiating themselves in terms of levels of urgency when performing tasks and the number of appointments they are com- mitted to. A few instruments have been developed to access these individual differences concerning time, notably the Time Urgency and Perpetual Activation Scale (TUPA), which measures levels of time urgency and perceptual activation. This paper describes a translated and adapted TUPA for the Brazilian context, and proposes its short-version. The translated scale was submitted as part of an online survey to 395 participants (71.4% female), ranging in age from 17 to 64 years ( M = 25.36, SD = 8.65). Exploratory and con fi rmatory factor analyses suggested a new bifactorial solution with good psychometric properties, involving a time urgency dimension and another related to occupations, named Time Urgency and Constant Ocupation Scale (UTOC). The UTOC showed good evidence of construct validity, as well as appropriate levels of convergent validity with robust measures of anxiety and stress.>>>
Renan Benigno Saraiva
Crea tu propia página
Camila Azevedo Gastal
Crea tu propia página
Gabriela Campelo
Crea tu propia página
Fabio Iglesias
Crea tu propia página
Descargas por mesDescargas por añoDescargas por país
pt: A auto-regulação tem um papel fundamental no comportamento alimentar em crianças e adolescentes face às “tentações” do ambiente. O Tempest Self-Regulation Questionnaire for Eating (TESQ-E; www. tempestproject.eu) é um instrumento de medida da auto-regulação transcultural que foi construído, traduzido e adaptado em nove países europeus, no âmbito do Projeto TEMPEST. Este artigo tem como objetivo o estudo da validação da versão Portuguesa do instrumento. Participaram da amostra 1200 pré-adolescentes e adolescentes Portugueses, com média de idades de 12,5 anos ( DP =1,61), entre os nove e os 17 anos de idade, 48,3% rapazes, de diferentes níveis de escolaridade 5º ano (16,8%), 6º ano (19,8%), 7º ano (30,8%), 8º ano (17,8%) e 9º ano (14,9%). A versão portuguesa do instrumento demonstrou boas propriedades métricas, e con fi rmou a estrutura factorial da versão original: três dimensões, que incluem seis estratégias de auto-regulação, duas em cada dimensão. A dimensão mais popular foi a Manutenção de objectivos de alimentação saudável, e a menos popular, Mudança do sentido atribuído às tentações. Conclui-se que o TESQ-E é um instrumento con fi ável para estimar as estratégias de auto-regulação em crianças e adolescentes. Orientações psicométricas são apresentadas para a população portuguesa entre os nove e os 17 anos.>>>en: Self-regulation plays a key role in the eating behavior of children and adolescents, while facing the environment “temptations”. The Tempest Self-Regulation Questionnaire (TESQ-E; www.tempes- tproject.eu) is an instrument for measuring cross-cultural self-regulation. It has been constructed, adapted and translated into nine European Countries within the TEMPEST project. This article aims to study the validation of the Portuguese version of the instrument. The sample includes 1200 Portuguese pre-adolescents and adolescents, of average age 12.5 years ( SD = 1.61) between nine and 17 years of age, 48.3% boys, from different educational grades: 5 th grade (16.8%), 6 th grade (19.8%), 7 th grade (30.8%), 8 th grade (17.8%) and 9 th grade (14.9%). The Portuguese version of the instrument demonstrated good psychometric properties and kept the factor structure of the original version: three dimensions, which include six strategies for self -regulation, two in each dimension. The most popular dimension was Maintaining healthy eating objectives, and the less popular Change the meaning of temptation. The study concluded that the TESQ-E is a reliable instrument to estimate the self-regulation strategies in children and adolescents. Psychometric guidelines are presented to the Portuguese population aged nine to 17 years old.>>>
Gina Quinas Tomé
Crea tu propia página
Celeste Simões
Crea tu propia página
Margarida Gaspar de Matos
Crea tu propia página
Descargas por mesDescargas por añoDescargas por país
pt: Este artigo apresenta o Emotion Regulation Pro fi le (ERP) como um instrumento para medir dife- renças individuais na regulação de emoções . O ERP é constituído por 15 cenários que apresentam situações características de eventos da vida cotidiana desprazerosos (nove cenários) ou prazerosos (seis cenários). Cada cenário avalia a quantidade de respostas adaptativas/funcionais e desadaptativas/ disfuncionais dos participantes. O instrumento foi aplicado a uma amostra de 686 pessoas entre 18 e 51 anos de idade. A amostra foi sudividida em dois grupos de 343 participantes para procedimentos de análises fatoriais exploratórias e con fi rmatórias. Os resultados da análise de componentes principais (primeira amostra) corroborou a estrutura bifatorial identi fi cada no estudo original da medida, isto é, um fator de regulação das emoções negativas ( down regulation ) e um fator de regulação das emoções positivas ( up regulation ). Além disso, um conjunto de análises fatoriais con fi rmatórias (segunda amostra) mostrou que a estrutura bifatorial proposta teve um bom ajustamento aos dados. Por fi m, foi possível propor uma versão reduzida do ERP com seis cenários (três que descrevem situações desprazerosas e três prazerosas) para avaliar adequadamente as diferentes estratégias usadas pelas pessoas na regulação de suas emoções.>>>en: This article presents the Emotion Regulation Pro fi le (ERP) as an instrument for measuring individual differences in the regulation of emotions. The ERP consists of 15 vignettes that portray everyday life situations describing pleasant (nine vignettes) and unpleasant (six vignettes) events. Each vignette assesses the number of adaptive/functional and maladaptive/dysfunctional responses chosen by the participants. The instrument was administered to a sample of 686 people between the ages of 18 and 51. The sample was divided into two groups of 343 participants each so that exploratory and con fi rmatory factor analysis could be conducted. Results from the principal component analysis ( fi rst sample) corroborated the bifactorial structure identi fi ed in the original study of the measure, that is, a regulation of negative emotion factor (down regulation) and a regulation of positive emotion factor (up regulation). Furthermore, a set of con fi rmatory factor analysis (second sample) revealed that the proposed bifactorial structure showed good fi t indices. Finally, it was possible to propose a reduced version of the ERP with six vignettes (three describing pleasant events and three describing unplea- sant events) to adequately assess the different strategies people use when regulating their emotions.>>>
Sonia Maria Guedes Gondim
Crea tu propia página
Cícero Roberto Pereira
Crea tu propia página
Ana Lúcia Teixeira Hirschle
Crea tu propia página
Emanuel M. Silva Palma
Crea tu propia página
Gisele Debiasi Alberton
Crea tu propia página
Juliana Paranhos
Crea tu propia página
Wilma Raquel Barbosa Ribeiro
Crea tu propia página
Descargas por mesDescargas por añoDescargas por país
pt: Este estudo teve como objetivo desenvolver uma medida de sobre-excitabilidade (SE) – tendência para reagir intensa e sensivelmente a estímulos – e obter evidências de validade baseadas no conteúdo e na estrutura interna dessa medida. Para tanto, foram necessárias duas etapas de pesquisa. Na primeira, que detalha a construção das Escalas de Sobre-Excitabilidade (ESE), foram realizadas análises por juízes ( N = 9) e aplicação piloto ( N = 18). Estudantes do Ensino Fundamental ( N =263) participaram da segunda etapa para veri fi cação das propriedades psicométricas do instrumento. Obteve-se um conjunto de cinco escalas que avaliam cinco padrões de SE (Psicomotor, Sensorial, Imaginativo, Intelectual e Emocional). Observou-se alta concordância entre os juízes e a aplicação piloto foi bem sucedida. Os valores de consistência interna das escalas foram considerados adequados. A maioria dos itens apresentou correlação item-total aceitável. Estruturas multidimensionais foram observadas nos padrões Psicomotor, Sensorial e Emocional nas análises fatoriais con fi rmatórias. Bons índices de ajustes para os modelos testados foram obtidos. Esses resultados constituem evidências de validade baseadas no conteúdo e na estrutura interna para as ESE. Portanto, a medida possui propriedades psicométricas iniciais adequadas.>>>en: This study aimed to develop a measure of overexcitability (OE) – tendency to react intensely and sensitively to stimuli – and obtain validity evidences based on the content and internal structure of this measure. For this, two phases of research were necessary. In the fi rst phase, which details the construction of Overexcitability Scales (OS), analysis by judges ( N =9) and pilot application ( N =18) were performed. Elementary school students ( N =263) participated in the second phase to verify the psychometric properties of the instrument. A set of fi ve scales that assess fi ve OE patterns (Psycho- motor, Sensual, Imaginative, Intellectual and Emotional) was obtained. There was high correlation among the judges and the pilot application was successful. The internal consistency values of the scales were considered adequate. Most items showed acceptable item-total correlation. Multidimensional structures were observed in Psychomotor, Sensual, and Emotional patterns in the con fi rmatory factor analyzes. Good indexes of adjustment to the models tested were obtained. These results constitute validity evidence based on content and internal structure to the OS. Therefore, the measure has appropriate initial psychometric properties.>>>
Juliana Célia de Oliveira
Crea tu propia página
Altemir José Gonçalves Barbosa
Crea tu propia página
Descargas por mesDescargas por añoDescargas por país
es: Con base en la teoría de expectativa-valor, el Mathematics Value Inventory (MVI) fue diseñado para medir la valoración de la matemática en cuatro áreas: interés, utilidad, logro y costo. En este trabajo se presenta la validación de la versión en español entre estudiantes universitarios uruguayos: validez factorial mediante análisis factorial con fi rmatorio (AFC), diferencias según género y validez predictiva del rendimiento académico. Se realizó un muestreo aleatorio estrati fi cado simple según el rendimiento en matemática para un nivel de con fi anza de 95% y un error de 5%, participando voluntariamente 218 estudiantes (77% mujeres) de entre 18 y 29 años ( M = 20.2, SD = 1.8). Los resultados con fi rman la estructura de cuatro factores relacionados y sugieren un factor global de se- gundo orden, que puede resultar más útil para una evaluación continua; el modelo de cuatro factores sería una mejor estrategia para detectar áreas problemáticas y comparar instituciones. Mayor interés y mayor necesidad de logro están asociados con un mejor rendimiento futuro; la utilidad y el costo emocional no tendrían impacto. No se encontró evidencia de diferencia según género. En suma, el MVI resulta adecuado para medir actitudes estudiantiles hacia la matemática, lo que puede orientar el diseño de estrategias de intervención.>>>en: Based on the expectancy-value theory, the Mathematics Value Inventory (MVI) was intended to measure math value in four areas: interest, utility, achievement and personal cost. This paper pre- sents the validation of the Spanish version among Uruguayan university students: factorial validity through con fi rmatory factor analysis (CFA), gender related differences and predictive validity of academic achievement. A strati fi ed random sampling according to Mathematics achievement was performed, with a con fi dence level of 95% and an error margin of 5%, and 218 students (77% women) voluntarily participated. Ages ranged from 18 to 29 years ( M = 20.2, SD = 1.8). Results con fi rm the four-factor structure as well as suggest a second order factor. The latter is recommended for continuous assessment of general attitude towards math, while the four-factor model could be a better strategy to identify problematic areas and career comparison. Higher interest and need for achievement are related to greater academic performance, while utility and personal cost seem to have no impact on it. No gender differences on math value were found. In sum, the MVI proved to be a suitable instrument to measure students’ attitudes towards mathematics, which may help the design of intervention strategies.>>>
Maria Noel Rodriguez-Ayan
Crea tu propia página
María Eugenia Sotelo Rico
Crea tu propia página
Descargas por mesDescargas por añoDescargas por país
es: El autoconcepto, aunque central en la psicología tradicional, ha cobrado importancia recientemente en el contexto de la psicología positiva. El Autoconcepto Forma 5 (AF5) es una medida muy utilizada en el contexto hispanohablante. Sin embargo, no existen estudios sobre sus propiedades psicométricas más allá de la fi abilidad en población peruana. El objetivo es presentar las propiedades psicométricas de la escala multidimensional AF5 en universitarios peruanos. Se recogió una muestra de 527 estu- diantes universitarios. La encuesta incluyó, además del AF5, medidas de esperanza disposicional y satisfacción con la vida. Se llevó a cabo un análisis factorial con fi rmatorio para evaluar la validez criterial, con resultados adecuados, χ 2 (395) = 1484.46, p < .01, CFI = .93, RMSEA = .07. También se calcularon alfas de Cronbach (que oscilaron entre .73 y .82), así como indicadores de fi abilidad de los ítems. Finalmente, se correlacionaron las dimensiones del autoconcepto con la esperanza y la satisfacción con la vida, siendo todas las relaciones positivas y estadísticamente signi fi cativas. Los resultados ofrecen evidencia de adecuadas propiedades psicométricas de la AF5 en estudiantes peruanos, permitiendo a futuras investigaciones en este contexto ahondar más en el nuevo dibujo que ha supuesto la psicología positiva dentro de la psicología tradicional.>>>en: Self-concept, although central to traditional psychology, has recently gained importance in the context of positive psychology. The Self-concept Form 5 (AF5) is one of the most used measures when it comes to the Spanish speaking context. However, there are no studies on its psychometric properties going beyond reliability in Peruvian populations. The aim is to present the psychometric proper- ties of the AF5 multidimensional scale in Peruvian university students. A sample of 527 university students was recruited. The survey included, besides the AF5, measures of dispositional hope and life satisfaction. A con fi rmatory factor analysis was implemented, with adequate results, χ 2 (395) = 1484.46, p < .01, CFI = .93, RMSEA = .07. Cronbach’s alphas were also calculated (ranging from .73 to .82), as well as item reliability indicators. Finally, self-concept dimensions were correlated with hope and life satisfaction, and all of them showed to be positive and statistically signi fi cant. Results offer evidence of appropriate psychometric properties of the AF5 in Peruvian undergradu- ates, allowing future research in this context to deepen into the new picture that has drawn positive psychology into traditional psychology.>>>
Descargas por mesDescargas por añoDescargas por país
es: Diversos estudios coinciden en señalar que la prevalencia de enfermedades mentales en internos penitenciarios es signi fi cativamente mayor que en la población general. En este contexto, la literatura muestra que existe una importante presencia de síntomas del Trastorno por Dé fi cit de Atención con Hiperactividad (TDAH) en esta población. Sin embargo, la investigación al respecto es escasa. En este estudio se estimó la prevalencia con cribado positivo para TDAH en la población penitenciaria, y se establecieron las características sociodemográ fi cas asociadas al trastorno. Se administraron dos escalas de evaluación del TDAH ampliamente empleadas y validadas en población adulta – ASRS y WURS. Los participantes fueron 143 presos del Establecimiento Penitenciario de Villabona (Asturias, España), con un rango de edad entre 18 y 69 años. Los resultados obtenidos indican una prevalencia aparente del TDAH en torno al 25% utilizando ambas escalas y con resultados coincidentes entre ellas. Además se encontraron diferencias signi fi cativas por sexo, por nivel de escolaridad y situación laboral, con diferentes per fi les según la presencia de los síntomas del TDAH. Estos resultados evi- dencian la necesidad de estudiar las consecuencias de este trastorno en la población penitenciaria, con el objeto de mejorar el manejo terapéutico en este contexto, atendiendo a sus características.>>>en: There is a good deal of evidence suggesting that the prevalence of mental disorders among impri- soned people is signi fi cantly higher that in general population. In this context, literature shows that there is an important presence of Attention De fi cit Hyperactivity Disorder (ADHD) within this po- pulation. However, research on this topic is lacking. This study estimated the prevalence of ADHD in a penitentiary population by means of positive screening and established the sociodemographic characteristics related to the presence of the disorder. Two different scales of ADHD, widely applied and validated for adult population, were used for this purpose – ASRS and WURS. One-hundred and forty three prisoners between 18 and 69 years old from Villabona’s Penitentiary Establishment (Asturias, Spain) took part in this study. Results showed 25% of apparent prevalence of ADHD, using both scales. Statistically signi fi cant differences were found in sex, educational level and employment situation, showing different pro fi les as a function of the presence of ADHD symptoms. These results highlight the need to study the consequences of this disorder within imprisoned populations in order to improve therapeutic management, paying attention to their characteristics.>>>
Celestino Rodríguez Pérez
Crea tu propia página
José Carlos Núñez Pérez
Crea tu propia página
Francisco Javier Rodríguez Díaz
Crea tu propia página
Alba Parrales Granda
Crea tu propia página
Carolina Bringas Molleda
Crea tu propia página
Trinidad García Fernández
Crea tu propia página
Descargas por mesDescargas por añoDescargas por país
pt: O objetivo deste estudo foi a adaptação da Escala de Discriminação Quotidiana para a população jovem portuguesa. Após tradução, ajustes semânticos aos itens, inclusão de dois itens para aumento da validade de constructo e a aferição da validade facial, os itens da escala foram respondidos por 2996 jovens estudantes do ensino secundário em Portugal. A Análise Fatorial Exploratória (AFE) revelou uma estrutura de dois fatores – Tratamento Injusto e Rejeição Pessoal – com quatro itens cada (sete itens da escala original e um formulado neste estudo). A Análise Fatorial Con fi rmatória (AFC) validou um modelo hierárquico, em que os dois fatores observados na AFE estão subordinados a um fator latente de segunda ordem, a Percepção de Discriminação. A escala permite diferenciar a discriminação percepcionada por grupos alvo de preconceito social, observando-se diferenças signi fi cativas nos valores reportados entre pessoas negras e brancas e entre jovens lésbicas, gays, bissexuais e participantes heterossexuais. O instrumento explica parcialmente variações ao nível de saúde mental, observando-se uma correlação negativa moderada entre a discriminação percepcionada e a saúde mental. Os resultados sugerem que a versão adaptada da escala apresenta validade de cons- tructo, sendo bastante apropriada para avaliar e comparar a percepção de discriminação de jovens.>>>en: The aim of this study was the adaptation of the Everyday Discrimination Scale to Portuguese youth. Scale items were subject to translation and adaptation, and two items were incorporated into the scale to increase construct validity. After establishing face validity, data from 2996 high school students were subject to Exploratory Factorial Analysis (EFA) and Con fi rmatory Factor Analysis (CFA). The EFA results portrayed a two-factor solution – Unfair Treatment and Personal Rejection – with four items each (seven items of the original scale and one prepared to this study). The CFA validated a hierarchical model in which the two factors observed in the EFA are subordinated to a second order latent factor, the Perception of Discrimination. The instrument was able to distinguish the perceptions of discrimination felt by prejudiced groups, since signi fi cant differences were observed between black and white participants, and between lesbian, gay and bisexual participants and their heterosexual counterparts. The instrument partially explains variations in mental health levels, given the observation of a negative correlation between perceived discrimination and mental health. The study concludes that this adapted version of the scale is a proper resource to the measurement and comparison of the perceptions of discrimination felt by the young.>>>
Daniela Fonseca Freitas
Crea tu propia página
Susana Coimbra
Crea tu propia página
Edna Maria Marturano
Crea tu propia página
Anne Marie Fontaine
Crea tu propia página
Descargas por mesDescargas por añoDescargas por país
pt: A Escala de Condutas Antissociais e Delitivas tem vindo a ser usada em vários países como uma medida comportamental do desvio juvenil, evidenciando resultados muito consistentes. Este artigo apresenta e discute a análise da validade empírica da estrutura fatorial da sua versão Portuguesa. A amostra foi constituída por 443 estudantes, 305 do sexo feminino e 138 do sexo masculino, com idades compreendidas entre os 15 e os 23 anos de idade ( M = 14,8; DP = 1,90; Mo = 20), maiorita- riamente de nacionalidade portuguesa (92,1%). Em 60,6% dos casos os/as estudantes frequentavam a universidade. Os resultados sugerem a adequação psicométrica do instrumento, corroborando a estrutura bifatorial proposta em estudos prévios. São discutidas as potencialidades da utilização do instrumento em Portugal.>>>en: The Scale of Antisocial and Criminal Conducts has been used in several countries as a behavioral measure, showing very consistent results. This paper presents and discusses the analysis of the empirical validity of the factorial structure of its Portuguese version. The sample was comprised of 443 students, 305 female and 138 male, aged between 15 and 23 years ( M = 14.8; SD = 1.90; Mo = 20), mostly Portuguese (92%), and 60.6% were college students. Results suggest the psychometric adequacy of instrument, con fi rming the bi-factorial structure proposed in previous studies. Advantages of its use with the Portuguese population are discussed.>>>
Descargas por mesDescargas por añoDescargas por país
pt: O aumento do consumo de álcool entre universitários tem gerado preocupações nos estudiosos da área que buscam intervenções preventivas e fi cazes à diminuição desse consumo. Este estudo avaliou o padrão de consumo de álcool e suas consequências, antes e após a aplicação da intervenção BASICS ( Brief Alcohol Screnning and Intervention for College Students ) em uma amostra de universitários brasileiros, sendo em sua maioria estudantes do sexo feminino (53,1%) e da faixa etária de 18 a 24 anos (84,4%). Foram utilizados os instrumentos The Alcohol Use Disorders Identi fi cation Test (AUDIT) e o Rutgers Alcohol Problem Index (RAPI) para caracterização do consumo de álcool e levantamento de suas consequências. Os que pontuaram acima de oito no AUDIT foram convidados a participar de um grupo experimental ou controle. A análise dos dados revelou que não houve diferença estatis- ticamente signi fi cativa entre os grupos após a intervenção. Em ambos os grupos houve: diminuição das doses consumidas, menos prática de binge drinking e redução de algumas das consequências negativas. Tal resultado indica uma importante contribuição na área e sugere que o levantamento do padrão de consumo de álcool e o seu respectivo feedback pode gerar efeitos positivos na diminuição do consumo de álcool, assim como das suas consequências entre estudantes universitários.>>>en: The increase in alcohol consumption among college students has increased concerns among resear- chers seeking effective preventive interventions to decrease their consumption. This study assessed the pattern of alcohol consumption and its consequences before and after applying the BASICS in- tervention (Brief Alcohol Screnning and Intervention for College Students) in a sample of Brazilian university, with mostly female students (53.1%) aged between 18 and 24 years (84.4%). The Alcohol Use Disorders Identi fi cation Test (AUDIT) and Rutgers Alcohol Problem Index (RAPI) tools were used to characterize alcohol consumption and its consequences. Those who scored above eight on the AUDIT were invited to participate in an experimental or control group. Data analysis revealed no statistically signi fi cant difference between groups. In both groups there were: a decrease in used dosages, less practice of binge drinking, and decrease in some negative consequences. This result indicates an important contribution in the area and suggests that the screening of alcohol consumption pattern and its respective feedback can generate positive effects in the reduction of alcohol consump- tion, as well as its consequences among college students.>>>
Érika Correia Silva
Crea tu propia página
Adriana Marcassa Tucci
Crea tu propia página
Descargas por mesDescargas por añoDescargas por país
pt: Este estudo quantitativo teve por objetivo avaliar o bem-estar espiritual e a autoestima de pacientes com insu fi ciência renal crônica em tratamento hemodialítico e investigar a relação entre ambos. Foi desenvolvido em uma unidade de hemodiálise de um hospital fi lantrópico do Sul de Minas Gerais, com amostra por conveniência ( N =118), predominância de mulheres e média de idade de 57 anos. A coleta de dados deu-se por meio de entrevista, de outubro a novembro de 2013, com utilização do instrumento de caracterização sociodemográ fi ca, clínica e espiritual, da Escala de Avaliação da Autoestima de Rosenberg e da Escala de Bem Estar Espiritual. Foi aplicada estatística descritiva, coe fi ciente de correlação de Spearman e o teste de Mann-Whitney. A média de autoestima foi de 31,70, classi fi cada como alta e o bem-estar espiritual, 92,91, classi fi cado como moderado. Houve correlação estatística signi fi cativa ao nível de 1%, ou seja, quanto maior foi o nível de bem estar espiritual encontrado, maior foi a autoestima. Além disso, quanto maior foi a importância que o indivíduo denotou à religiosidade/espiritualidade maior foi seu nível de autoestima e de bem-estar espiritual ( p =0,001). Dessa forma, pode-se considerar a espiritualidade como um recurso possível a ser considerado no enfrentamento da condição crônica e seu tratamento.>>>en: This quantitative study evaluates the spiritual well-being and self-esteem of patients with chronic renal failure on hemodialysis and investigates the relationship between them. Developed in a hemodialysis unit of a philanthropic hospital in the South of Minas Gerais, with convenience sample ( N =118), predominance of women and mean age of 57 years. Data collection was carried out through interviews between October-November 2013, using the sociodemographic, clinical and spiritual instrument, the Rosenberg Self-Esteem Rating Scale and Welfare Spiritual Scale. Descriptive statistics, Spearman correlation coef fi cient and the Mann-Whitney test were applied. The average self-esteem was 31.70, classi fi ed as high, and the spiritual well-being, 92.91, rated as moderate. There was a statistically signi fi cant correlation at 1%, that is, the greater the level of spiritual well-being found, the higher the self-esteem. In addition, the higher the importance religiosity / spirituality for the individual, the higher their level of self-esteem and spiritual well-being ( p =.001). Thus, the use of spirituality can be considered as a coping strategy to face the disease and treatment.>>>
Erika de Cássia Lopes Chaves
Crea tu propia página
Thaynara Paola de Carvalho
Crea tu propia página
Camila Csizmar Carvalho
Crea tu propia página
Cristiane da Silva Marciano Grasselli
Crea tu propia página
Rogério Silva Lima
Crea tu propia página
Fábio de Souza Terra
Crea tu propia página
Denismar Alves Nogueira
Crea tu propia página
Descargas por mesDescargas por añoDescargas por país
pt: Este trabalho tem por objetivo testar a hipótese de que a autoe fi cácia atua como mediador entre o bem-estar subjetivo e o burnout . Participaram 228 cadetes, com idade média de 24 anos ( DP = 0,85), sendo 148 policiais e 80 bombeiros. As análises de regressão demonstram que as variáveis do bem- -estar subjetivo, principalmente a vitalidade subjetiva e os afetos negativos, predizem signi fi cativa- mente o burnout e suas subdimensões. As análises de mediação feitas provêm evidências empíricas satisfatórias para o papel mediador desempenhado pela autoe fi cácia. Esses resultados poderão apoiar o planejamento de intervenções que visem o fortalecimento da autoe fi cácia em cadetes. A academia deve fornecer aos cadetes não apenas as técnicas e conhecimentos imprescindíveis para a atuação pro fi ssional, mas também proporcionar o desenvolvimento de mecanismos de autorregulação que possibilitem um senso maior de autoe fi cácia, além de condições educacionais e laborais adequadas.>>>en: This study aimed to test the hypothesis of the mediating role of self-ef fi cacy between subjective well-being and burnout in military cadets. The participants were 228 cadets at a military academy, 148 police of fi ces and 80 fi re fi ghters, at a mean age of 24 years ( SD = .85). Regression analyses showed that the subjective well-being variables, mainly subjective vitality and negative affects, signi fi cantly predict burnout and its subdimensions. The analyses of mediation provide satisfactory empirical evidence for the mediating role played by belief in self-ef fi cacy. These results can support the planning of interventions aimed at strengthening self-ef fi cacy in cadets. The academy should provide cadets not only with the technical and essential knowledge for professional practice, but also provide the development of self-regulation mechanisms that allow for a greater sense of self-ef fi cacy, in addition to appropriate educational and working conditions.>>>
Luciane Albuquerque Sá Souza
Crea tu propia página
Ana Raquel Rosas Torres
Crea tu propia página
Genário Alves Barbosa
Crea tu propia página
Tiago Jessé Souza de Lima
Crea tu propia página
Luana Elayne Cunha de Souza
Crea tu propia página
Descargas por mesDescargas por añoDescargas por país
en: This study investigated what predicts the occurrence of hot fl ushes (HF) and night sweats (NS). A community sample of 992 women (42-60 years) answered a questionnaire to collect socio-demogra- phic, health and menopause-related, as well as lifestyle information. Depressive mood and stress, as well as HF and NS (in terms of presence, frequency and intensity), were also assessed. Structural equation modelling was used to build a structural model to predict the occurrence of both vasomotor symptoms. Results: Stress predicted NS ( β =.154; p =.006), whereas depressive mood was linked to the occurrence of HF’s ( β =.149; p =.006). Being peri-menopausal and post-menopausal, among several other characteristics, were also signi fi cant predictors of the occurrence of both HF and NS. This study supports a distinguished in fl uence of stress and depressive mood in NS and HF respec- tively, probably due to the nature of psychological symptoms. Moreover, signi fi cant associations between vasomotor symptoms and socio-demographic, health and menopause-related characteristics, and alcohol were con fi rmed.>>>pt: Este estudo investigou os preditores da ocorrência de afrontamentos (Af) e de suores noturnos (SN). Foi utilizada uma amostra comunitária de 992 mulheres (42-60 anos), que respondeu a um questionário para a recolha de informação sociodemográ fi ca, de estado de saúde e menopausa, e sobre o estilo de vida. Os níveis de humor deprimido e estresse, tal como a ocorrência, frequência e intensidade dos Af e SN, foram avaliados. Modelos de equações estruturais foram utilizados para construir o modelo estrutural para predizer a ocorrência de ambos os sintomas vasomotores. Os resultados indicaram que estresse predisse os SN ( β =0,154; p =0,006), enquanto o humor deprimido associou-se à ocorrência de Af ( β =0,149; p =0,006). Estar na peri-menopausa ou na pós-menopausa, entre outras características, associou-se igualmente à ocorrência de Af e SN. Este estudo suporta uma in fl uência diferenciada do estresse e do humor deprimido na ocorrência de SN e Af, respetivamente, provavelmente devido à natureza dos sintomas psicológicos. Adicionalmente con fi rmou-se uma associação signi fi cativa entre os sintomas vasomotores e características sociodemográ fi cas, de saúde, de menopausa e consumo de álcool.>>>
Descargas por mesDescargas por añoDescargas por país
pt: Esta pesquisa de levantamento objetivou investigar a prevalência da síndrome de Burnout nos pro fi s- sionais de enfermagem de um hospital e de Unidades Básicas de Saúde, comparando-a entre as três categorias pro fi ssionais (enfermeiros, técnicos e auxiliares de enfermagem) e os tipos de serviços, e identi fi cou seus fatores sociodemográ fi cos e ocupacionais preditores. A amostra foi composta por 116 pro fi ssionais, entre 21 e 60 anos ( M = 37,26 anos; DP = 8,56), de ambos os gêneros, de um mu- nicípio de médio porte de Minas Gerais, que responderam ao Inventário de Burnout de Maslach e a um Questionário Sociodemográ fi co e Ocupacional. Observou-se uma alta prevalência da síndrome (47%), e um grande número de trabalhadores em risco de adoecimento (entre 41% a 49% da amostra, dependendo da dimensão do Burnout ). Não houve diferenças signi fi cativas em função das categorias pro fi ssionais e locais de trabalho. As variáveis ocupacionais “problemas de relacionamento com colegas de trabalho” ( OR = 3) e “insatisfação com o trabalho” ( OR = 11) foram as preditoras da síndrome ( p < 0,05). As variáveis sociodemográ fi cas não foram signi fi cativas. Este estudo contribui para a discussão sobre o processo de desenvolvimento do Burnout em pro fi ssionais de enfermagem, ajudando a planejar medidas preventivas de doenças ocupacionais e programas de intervenção nos serviços de saúde.>>>en: This survey research aimed to investigate the prevalence of the Burnout syndrome in nursing profes- sionals of a hospital and Basic Health Units, comparing it among the three professional categories (nurses, nursing technicians and nursing assistants) and types of services, and to identify socio- -demographic and occupational factors associated with its occurrence. The sample was composed of 116 professionals, between 21 and 60 years old ( M = 37.26 years; SD = 8.56), of both genders, from a medium-sized city of Minas Gerais, who ful fi ll the Maslach Burnout Inventory and the socio- -demographic and occupational questionnaire. There was a high prevalence of the syndrome (47%) and a large number of workers at risk of illness (between 41% and 49% of the sample according to the dimension of Burnout). There were no signi fi cant differences between the professional categories and workplaces. The occupational variables “relationship problems with co-workers” ( OR = 3) and “non- -satisfaction with the job” ( OR = 11) were the syndrome predictors ( p < .05). The socio-demographic variables were not signi fi cant. This study contributes to the discussion about Burnout developing process among nursing professionals, helping to plan preventive measures of occupational diseases and intervention programs in health services.>>>
Isabella Cristina Moraes Campos
Crea tu propia página
Antonio Paulo Angélico
Crea tu propia página
Marcos Santos de Oliveira
Crea tu propia página
Daniela Carine Ramires de Oliveira
Crea tu propia página
pt: O diagnóstico de transtorno do espectro autista (TEA) em fi lhos tem sido descrito na literatura como razão de excessivo stress em suas mães. Como o Treino de Controle do Stress (TCS) de Lipp, já foi adaptado com êxito para o atendimento de diversas populações de diferentes faixas etárias, o objetivo deste trabalho foi investigar a e fi cácia de uma adaptação do TCS para mães de crianças com TEA (TCS-MTEA) na redução do stress desta população. Para isto comparou-se a presença e níveis de stress de vinte participantes, na faixa etária entre 20 e 50 anos, sendo dez submetidas a esta intervenção individual con fi gurando uma amostra experimental (AE) e outras dez que tiveram apenas níveis de stress avaliados no mesmo intervalo de tempo, con fi gurando uma amostra controle (AC). As vinte participantes foram avaliadas antes e após o treino com o Inventário de Sintomas de Stress para Adultos de Lipp. Ao fi nal da intervenção das dez participantes estressadas inicialmente na AE, sete estavam sem stress (70%) e as outras três apresentaram redução do nível de stress (30%) enquanto as dez da AC (100%) continuavam estressadas. Conclui-se que o TCS-MTEA foi e fi caz na redução do stress das participantes da AE.>>>en: The diagnosis of autism spectrum disorder (ASD) in a child has been described in literature as asso- ciated to excessive stress in their mothers. As the Lipp Stress Control Training (referred to locally as TCS) has been successfully adapted for the care of diverse populations of different ages, the aim of this study was to investigate the effectiveness of an adaptation of TCS for mothers of children with ASD (referred to locally as TCS-MTEA) in reducing stress in this population. For this, the presence and levels of stress of twenty participants aged between 20 and 50 years was compared. Ten individuals were submitted to individual training, con fi guring an experimental sample (ES) and ten only had stress levels evaluated in the same time interval, con fi guring a control sample (CS). The twenty participants were assessed before and after training with the Lipp Stress Symptoms In- ventory. After the intervention, among the ten ES participants initially stressed, seven were without stress (70%) and the other three had the level of stress reduced (30%) while the ten CS participants (100%) remained stressed. The study concluded that the TCS-MTEA was effective in reducing the stress of the ES participants.>>>
Glória de Fátima Araújo Moxotó
Crea tu propia página
Lucia Emmanoel Novaes Malagris
Crea tu propia página
Descargas por mesDescargas por añoDescargas por país
pt: Este artigo tem como objetivo central apresentar os processos de memória de maneira didática, proporcionando aos alunos e futuros pesquisadores um primeiro contato satisfatório com o tema. Já há algum tempo, tem sido observada a ocorrência de confusões conceituais e metodológicas no campo da neurociência cognitiva, tanto em relação à memória quanto em relação às outras funções psicológicas básicas. Neste ensaio, alguns conceitos principais são esclarecidos. É apresentada uma classi fi cação fenomenológica da memória, a qual inclui a memória sensorial, a memória de trabalho e as memórias de curta duração e de longa duração. Também são explicados os processos de consolida- ção e evocação das memórias, evidenciando os mecanismos biológicos envolvidos nestes processos.>>>en: This paper aims to present the memory processes in a didactic manner, providing students and future researchers with a fi rst contact with this subject. For a long time, we have observed the occurrence of conceptual and methodological confusion in the fi eld of cognitive neuroscience, regarding memory and other basic psychological functions. In this essay, some key concepts are clari fi ed. A phenome- nological classi fi cation of memory is presented, which includes sensory memory, working memory and long term memories. Memory consolidation and retrieval processes are also explained, appraising the biological background involved in these processes.>>>
Carlos Alberto Mourão Júnior
Crea tu propia página
Nicole Costa Faria
Crea tu propia página
Descargas por mesDescargas por añoDescargas por país
pt: O autismo pode ser de fi nido como uma síndrome comportamental heterogênea em termos genéticos e de diagnóstico. Esta heterogeneidade di fi culta a realização de estudos genéticos sobre o tema. Um dos endofenótipos candidatos do autismo é a teoria da mente. O objetivo deste estudo foi avaliar a capacidade da teoria da mente em pais de crianças com autismo. Foram avaliados 90 participantes: 30 pais de crianças com autismo, 30 pais de crianças com síndrome de Down e 30 pais de crianças com desenvolvimento típico. Os instrumentos utilizados foram o Eyes Test , para avaliar habilidades de decodi fi cação, e o Unexpected Outcomes Task , para medir o raciocínio dedutivo. Os resultados não indicam diferenças signi fi cativas entre os grupos na habilidade de decodi fi cação. No entanto, eles indicam a existência de dé fi cits na capacidade de dedução da teoria da mente. Esse dé fi cit parece ser mais pronunciado em mães de crianças com autismo, em comparação com grupos de mães de crianças com síndrome de Down e mães de crianças com desenvolvimento típico. Mais estudos são necessários para esclarecer melhor a relação entre teoria da mente e autismo.>>>en: Autism can be de fi ned as a heterogeneous behavioral syndrome in both genetic and diagnostic terms. This heterogeneity poses dif fi culties in conducting genetic studies on the topic. A candidate endo- phenotype of autism is theory of mind. The goal of this study was to evaluate the ability of theory of mind in parents of children with autism. We evaluated 90 participants: 30 parents of children with autism, 30 parents of children with Down syndrome and 30 parents of typically developing children. The instruments used were the Eyes Test, to assess decoding skills, and the Unexpected Outcomes Task, to measure deductive reasoning. The results do not indicate signi fi cant differences between groups in theory of mind decoding. However, they indicate the existence of de fi cits in the theory of mind reasoning. These de fi cits seem to be more pronounced in mothers of children with autism, compared to groups of mothers of children with Down syndrome and mothers of typically developing children. Further studies are needed to better clarify the relationship between theory of mind and autism.>>>
Aline Abreu e Andrade
Crea tu propia página
Walter Camargos Junior
Crea tu propia página
Priscilla Moreira Ohno
Crea tu propia página
Maycoln Leôni Martins Teodoro
Crea tu propia página
Descargas por mesDescargas por añoDescargas por país
pt: Os processos atentivos são fundamentais para o controle do comportamento e para o planejamento da ação. Este estudo investigou uma possível relação no desempenho de participantes ( n =20) sem queixas clínicas na resolução de labirintos e na execução de um teste computadorizado de desempenho contínuo (Agir/Não Agir). O desempenho dos participantes foi analisado em termos de possíveis relações signi fi cativas entre o tempo médio de resolução dos labirintos e o tempo médio na execução da tarefa Agir/Não Agir, bem como uma possível relação entre os tipos de erros cometidos nas duas tarefas. Os resultados sugerem uma relação signi fi cativa entre o tempo de execução das duas tarefas e uma correlação entre a frequência de toques nos limites dos labirintos e a quantidade de erros de comissão cometidos em uma tarefa Agir/Não Agir. Esses resultados são discutidos em termos de possíveis marcadores comportamentais de ações impulsivas.>>>en: Attentive processes are critical to behavior control and action planning. The present study investi- gated a possible relationship in the performance of participants ( n =20) without clinical complaints in solving mazes and in a computerized continuous performance test (Go/NoGo). The performance of participants was analyzed in terms of possible signi fi cant relationships between average time in the resolution of mazes and average time in implementing the Go/NoGo task, as well as a possible relationship between types of errors in both tasks. The results suggest a signi fi cant relationship between the runtime of both tasks and correlation between the frequency of touches at the limits of mazes and the amount of commission errors committed in Go/NoGo task. These results are discussed in terms of possible behavioral markers of impulsive actions.>>>
Joaquim Carlos Rossini
Crea tu propia página
Lorena Barbosa Cunha Macedo
Crea tu propia página
Fabiana Pires Teobaldo
Crea tu propia página
Descargas por mesDescargas por añoDescargas por país
pt: A literatura vem discutindo acerca da percepção de emoções faciais evidentes em idosos com Doença de Alzheimer (DA). Alguns autores sugerem que os dé fi cits apresentados são decorrentes de problemas visuoespaciais; outros sugerem que são por di fi culdades no processamento das emo- ções; e há os que defendem que esse dé fi cit perceptivo é secundário à evolução da demência. Esta pesquisa buscou investigar os aspectos neuropsicológicos da expressão emocional facial, por meio da aplicação da Escala de Inteligência Wechsler para Adultos-III (WAIS-III) e de um programa de computador desenvolvido pelo Laboratório de Psicobiologia denominado Teste de Percepção de Expressões Faciais (TEPEF), que avalia a percepção de faces emocionais em idosos. Os resultados sugerem que o WAIS-III foi sensível para a diferenciação entre os grupos experimental e controle, mas apresentou pouca especi fi cidade. O TEPEF apresentou consistência para avaliar as expressões faciais de alegria, tristeza, nojo, surpresa e raiva. Além disso, ele mostrou que a percepção de alegria em idosos com DA em fase moderada está relativamente preservada. Conclui-se, portanto, que os prejuízos relacionam-se às emoções negativas evidenciadas pela percepção das faces emocionais, demandando supervisão continuada para os idosos com essas alterações.>>>en: Literature has been discussing the perception of emotional facial expressions in elderly suffering from Alzheimer’s Disease (AD). Some authors suggest that de fi cits occur due to visuospatial problems; others suggest that the dif fi culty is related to emotional processing; still others argue that this perceptive de fi cit is secondary to dementia evolution. This study aimed to investigate the neuropsychological aspects of the perception of facial emotional expression by applying the Wechsler Adult Intelligence Scale-III (WAIS-III) test, as well as a software named Perception Test of Facial Emotional Expressions (TEPEF), which analyzes the perception of emotional faces by the elderly. The results suggest that WAIS-III was sensible in discriminating the differences between experimental and control groups, but presented little speci fi city. The TEPEF presented consistency to evaluate facial expressions of happiness, sadness, disgust, surprise and anger. Furthermore, it showed that the perception of hap- piness in the elderly with mild AD is relatively preserved. The expressions more easily perceived – such as happiness and sadness – had correlations with few WAIS-III subtests. Therefore, the study concluded that the losses are related to negative emotions evidenced by the perception of emotional faces, which requires continued supervision for the elderly with these changes.>>>
Roberta Ladislau
Crea tu propia página
Josely Gomes Guimarães
Crea tu propia página
Wânia Cristina de Souza
Crea tu propia página
pt: O objetivo deste estudo foi investigar o efeito do monitoramento sobre a taxa de respostas na presença de regras inacuradas. Seis universitários foram expostos a um programa de reforço múltiplo Intervalo Fixo (FI) FI e, depois, a um programa de reforço múltiplo Extinção (EXT) EXT. O experimentador estava presente (i.e., monitoramento) em um dos componentes do múltiplo e não estava presente no outro. Antes das sessões, todos os participantes receberam, por escrito, a regra inacurada “pressione o botão rapidamente”. Cada sessão teve a duração de 10 minutos. Os participantes emitiram taxas de respostas altas e não diferenciadas entre os componentes com ou sem monitoramento durante todo o experimento. Uma discussão dos resultados em termos de uma abordagem selecionista é realizada.>>>en: The aim of this study was to investigate the effects of monitoring on response rates in the presence of inaccurate rules. Six undergraduate students were exposed to an Fixed Interval (FI) FI multiple reinforcement schedule and then to an Extinction (EXT) EXT multiple reinforcement schedule. The experimenter was present (i.e., monitoring) during only one of the multiple-schedule components. Before sessions, participants received the written, inaccurate rule “press the button quickly”. Sessions lasted for 10 minutes. Each participant emitted high response rates that were non-differential between components with or without monitoring. A discussion in terms of a selectionist approach is carried out.>>>
Murilo Nogueira Ramos
Crea tu propia página
Carlos Eduardo Costa
Crea tu propia página
Marcelo Frota Benvenuti
Crea tu propia página
Camila Carvalho Faria Andrade
Crea tu propia página
Descargas por mesDescargas por añoDescargas por país
en: This study investigated the contribution of phonological awareness (PA) and rapid automatized naming (RAN) to the persistence of beginning reading dif fi culties in Portuguese. The study was lon- gitudinal and involved 13 children who had shown little progress in learning to read during their 1st school year, and 13 children with typical reading development. At the beginning of the study, when participants were, on average, six years and nine months of age, their ability to read and spell words, and their PA and RAN skills were assessed. One year later, the children who had shown dif fi culties in learning to read were divided into two groups, based on their progress in learning to read during the course of the study: a group with persistent reading dif fi culties and a group whose dif fi culties had been overcome. Results showed that both groups performed equally poorly and below controls on the PA tasks at the beginning of the study. In contrast, only the children with persistent reading dif fi culties performed more poorly than controls on the RAN tasks at that time.>>>pt: Este estudo investigou a contribuição da consciência fonológica (CF) e da nomeação automatizada rápida (RAN) para a persistência de di fi culdades na aprendizagem inicial da leitura em português. O estudo foi longitudinal e envolveu 13 crianças que haviam apresentado di fi culdades na aprendizagem da leitura durante o ano da alfabetização e 13 crianças com desenvolvimento típico da leitura. A habilidade de ler e escrever palavras, a CF e a RAN foram avaliadas no fi nal do ano de alfabetização, quando as crianças tinham, em média, seis anos e nove meses de idade. Um ano mais tarde, as crianças que haviam apresentado di fi culdades na alfabetização foram divididas em dois grupos, com base em seu progresso na habilidade de ler palavras ao longo estudo: um grupo de crianças com di fi culdades persistentes e um grupo cujas di fi culdades iniciais haviam sido superadas. Os resultados mostraram que ambos os grupos apresentaram dé fi cits na CF no início do estudo. Por outro lado, apenas as crianças com di fi culdades persistentes de leitura manifestaram dé fi cits na RAN naquela ocasião.>>>
Mirelle F. Michalick-Triginelli
Crea tu propia página
Cláudia Cardoso-Martins
Crea tu propia página
Descargas por mesDescargas por añoDescargas por país
pt: Cuidados maternais são experiências do início da vida que têm sido consistentemente relacionados com alterações na expressão gênica por meio de mecanismos epigenéticos como a metilação do DNA ou a modi fi cação de suas histonas. O objetivo deste trabalho é apresentar uma investigação teórica sobre cuidados maternais enquanto evento ambiental que pode produzir alterações epigené- ticas atuantes na composição da vulnerabilidade ao estresse. A investigação teve por base estudos empíricos e de revisão de literatura com animais não humanos sobre Epigenética, estresse e cuidados maternais. Apresenta também alguns estudos com humanos que mostram tais efeitos, destacando-se aqueles que in fl uenciam ou são in fl uenciados pelo comportamento operante. A partir da investigação realizada encontrou-se que cuidados maternais pós-parto são uma condição ambiental que produz efeitos no eixo hipotálamo-pituitária-adrenal (HPA), participando da composição da vulnerabilidade ao estresse. Seus possíveis efeitos fi siológicos no condicionamento operante sinalizam alternativas para intervenções baseadas na plasticidade da formação do epigenoma. Este conhecimento, além de promover a aproximação entre a Epigenética e a Análise do Comportamento em nível básico por meio de estudos com animais não humanos, poderá contribuir em nível aplicado para um melhor entendimento do neurodesenvolvimento infantil e adequado planejamento de intervenções efetivas com mães e fi lhos.>>>en: Maternal care is an early life experience that has been consistently related to alterations in the genetic expression through epigenetic mechanisms such as DNA methylation or DNA histone modi fi cation. The present study aims to present a theoretical investigation about maternal care as an environmental event that may produce epigenetic alterations related to the biological bases of stress vulnerability. The research was based on empirical studies as well as literature review on non-human animals concerning epigenetics, stress and maternal care. It also presents some studies on humans that show such effects, particularly the ones that in fl uence or are in fl uenced by the operant behavior. Post-natal maternal care is found to cause effects on the hypothalamic-pituitary-adrenal (HPA) axis activity participating in the building of stress vulnerability. Its possible physiological effects on the operant conditioning point out to alternatives to intervention based on the plasticity of the epigenome forma- tion. This knowledge enhances the proximity between Epigenetics and Behavior Analysis at a basic level through studies with non-human animals and at an applied level through a better understanding of child neurodevelopment and proper planning of effective intervention with mothers and children.>>>
Márcia Cristina Caserta Gon
Crea tu propia página
Descargas por mesDescargas por añoDescargas por país
pt: Este estudo apresenta uma comparação entre as experiências de famílias de acolhimento de Portu- gal e Espanha, avaliando-se a sua satisfação com a informação recebida antes do acolhimento; a preparação da criança para o acolhimento; os apoios técnico e fi nanceiro; e a evolução do processo de acolhimento. Pretende-se contribuir para melhorar e promover a medida de acolhimento familiar nos dois países. Os processos de acolhimento familiar dependem de fatores históricos e culturais que produzem diferenças importantes nos diversos contextos internacionais. Assim, foram realizadas entrevistas em duas amostras aleatórias constituídas por 52 famílias de acolhimento em Portugal e 46 na Espanha, cujos resultados foram comparados através de testes estatísticos paramétricos e não paramétricos. Os acolhedores, em ambos os países, mostraram um elevado grau de satisfação com o processo de acolhimento. No entanto, em Portugal, existe maior preocupação com o fraco apoio fi nanceiro, as informações não fornecidas pelos serviços de acolhimento ou a má preparação da criança para o acolhimento. Por fi m, são apresentadas sugestões para a melhoria da gestão e implementação desta resposta social.>>>en: This study provides a comparison between experiences of Portuguese and Spanish foster families and evaluates their satisfaction with the information received before the host; the preparation of the child for the foster care; the technical and fi nancial support; and the evolution of the foster care process. It aims to contribute to improving implementation and development of this social response in both countries. The foster care processes depend on historical and cultural factors that have signi fi cant differences in various international contexts. Thus, two random samples of 52 foster families in Portugal and 46 in Spain were interviewed, and the results were compared using parametric and non parametric statistical tests. The carers, in both countries, show a high degree of satisfaction with the foster care process. However, in Portugal there is greater concern about the poor fi nancial support, information not provided by the foster care services or poor preparation of the child for childcare. Finally, the study presents suggestions for improving the management and implementation of this social response.>>>
Mónica López
Crea tu propia página
João Carvalho
Crea tu propia página
Jorge F. Del Valle
Crea tu propia página
Descargas por mesDescargas por añoDescargas por país
pt: Este estudo relacionou a frequência da emissão de reação socialmente habilidosa, não-habilidosa passiva e não-habilidosa ativa às variáveis da criança (sexo, idade, condições clínicas). Participaram 57 meninos e 52 meninas, entre seis e 12 anos. O Questionário de Caracterização da Criança (QCC) levantou informações sobre sexo, idade e condições clínicas e o Inventário Multimídia de Habilidades Sociais de Crianças (IMHSC-Del Prette) avaliou as habilidades sociais, respondidos pelos cuidadores e escolares, respectivamente. Utilizou-se os testes U de Mann-Whitney, o coe fi ciente de correlação de Pearson e o teste t para análises dos dados. Os resultados indicaram: (a) diferenças signi fi cativas na adequação das reações habilidosas e não-habilidosas ( p < 0,001); (b) aumento do repertório de habi- lidades sociais conforme o avançar dos anos ( p < 0,001); e (c) meninas apresentaram mais frequência de habilidades sociais que meninos ( p = 0,040). Não houve associações signi fi cativas entre habilidades sociais e condições clínicas ( p = 0,539). Veri fi cou-se que sexo e idade podem interferir na presença e desempenho de repertório socialmente habilidoso. Sugerem-se outras técnicas de avaliação que complementem os dados investigados e possibilitem intervenções futuras para amostras semelhantes.>>>
Thaciana Araujo da Silva
Crea tu propia página
Lilia Iêda Chaves Cavalcante
Crea tu propia página
Descargas por mesDescargas por añoDescargas por país
uaem-pie
Sistema de Información Científica Redalyc
Red de Revistas Científicas de América Latina y el Caribe, España y Portugal
Universidad Autónoma del Estado de México
Versión 3.0 beta | 2016
redalyc@redalyc.org
Pie piepag